São LeopoldoVale do Sinos

Assemplife entra na luta em defesa do Hospital Centenário

A mobilização da sociedade civil organizada em defesa do Hospital Centenário está crescendo. Nesta quinta-feira, dia 22 de fevereiro, integrantes da Associação de Empresários e Profissionais Liberais do Bairro Feitoria (Assemplife), entregaram ao prefeito Ary Vanazzi e à presidenta do Hospital, Quelen da Silva, uma carta em apoio à instituição. No documento, assinado pelo presidente da Assemplife, Odinir de Zorzi, a entidade reconhece a gravidade da situação financeira do Centenário, e manifesta sua disposição de ajudar.

“Daremos todo o apoio que for necessário, porque não concordamos com a injustiça que vem sendo praticada com o Hospital. Como empresários e como cidadãos, pagamos muitos impostos para o Estado, queremos o que pagamos de volta para a cidade, porque com saúde não se brinca”, enfatizou Odinir de Zorzi.

Publicidade

Ao elogiar e agradecer a iniciativa, o prefeito sugeriu que a entidade passe a integrar o Comitê Popular em Defesa do Hospital Centenário, um movimento suprapartidário criado em 2017, a partir da conscientização coletiva da sociedade e das entidades civis da necessidade de ações conjuntas pela busca da recuperação do Hospital. A importância regional do Hospital Centenário foi enfatizada pelo vereador Ary Moura (PDT). “O governo do Estado precisa fazer a sua parte. Espero que o inconformismo da Assemplife sirva de exemplo a outras entidades e associações, porque a saúde não pode esperar.”

Também acompanharam a atividade o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Tecnológico (Sedettec), Rafael de Souza, a vice-presidente de Operações do Hospital Centenário, Lilian Silva, e o vice-presidente Administrativo do HC, Anésio Bohn.

Foto: Thales Ferreira/Scom/PMSL

Publicidade
Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar