Negócios

Prêmio Mapping Challenge América Latina termina com show de imagens na Argentina

A Epson realizou o último show de seu projeto internacional Prêmio Mapping Challenge, que percorreu oito países da América Latina, unindo arte e tecnologia. No dia 22 de março, a Faculdade de Direito da Universidade de Buenos Aires, um dos edifícios mais icônicos da cidade, ganhou um show de audiovisual com a tecnologia de vídeo projeção a laser da Epson.

Escritores, músicos, personalidades e obras destacadas da cultura argentina foram os protagonistas da obra criada por Rogelio Adobbati, artista escolhido para realizar este projeto. A Epson forneceu a tecnologia de seus vídeos projetores da linha Epson Pro L, criados especialmente para grandes eventos e criar as ilusões dos muros da faculdade como uma obra de arte digital em movimento. Ao todo foram utilizados 15 projetores para iluminar a fachada, 3 de 25 mil lumens e 12 de 12 mil lumens. O evento contou com a participação do reconhecido grupo argentino Agaponis, que apresentou suas músicas mais populares em um cenário tomado por imagens e cor.

“A Epson Argentina deixou o público deslumbrado com um show audiovisual sobre a fachada da Faculdade de Direito. Estamos muito felizes com a presença do público, que pode apreciar a cidade a partir de nossos projetores com imagens de grande qualidade. Depois de percorrer sete países da América Latina, a Argentina encerrou o Prêmio Mapping Challenge com um espetáculo incrível, onde provamos que a Epson também é líder em projeções profissionais de grande formato”, disse Caroline Brunt, gerente de marketing da Epson Argentina.

O “Prêmio Mapping Challenge América Latina” é um projeto internacional realizado pela Epson junto com a Dataton e parceiros locais para mostrar o trabalho e talento dos artistas da região. Os lugares escolhidos para a intervenção artística foram o Paróquia São João Batista, em Coyoacán, no México; Museu Nacional de Belas Artes, no Chile; Igreja de São Francisco, no Equador; Centro de Convenções de Cartagena, Colômbia; Edifício Metálico de São José, na Costa Rica; Belmond Copacabana Palace, no Brasil; Ruínas de Qoricancha, no Peru e na Faculdade de Direito, na Argentina. Mais de 90 mil espectadores puderam desfrutar desta experiência.

“O tour de mappings que terminou na Argentina é uma das iniciativas mais artísticas e complicadas que realizamos nos últimos anos. Essa grande atividade continua demonstrando o compromisso da Epson como provedor de ferramentas tecnológicas para artistas e equipes de criação, produção, design e implementação. Juntos, são capazes de criar grandes coisas”, afirmou Alejandro Ordoñez, gerente de Marketing e Comunicação para a Epson América Latina.

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo