Rio Grande do Sul

SAMU de Sapucaia do Sul completa 10 anos com 35 mil atendimentos

Há um ano, o comerciante Joizer Martins, de 36 anos, sofreu um grave acidente de moto. Poucos minutos após colidir em um poste, foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU de Sapucaia do Sul. Este foi um, dos cerca de 35 mil atendimentos realizados pelo SAMU na cidade, nos últimos 10 anos, completados neste mês.

Segundo a enfermeira e coordenadora do SAMU, Letícia Santomé, 57%,6 dos atendimento são de trauma, e o restante, 42,4%, são clínicos. “A maioria é de acidentes de trânsito, seguidos por atendimentos clínicos por parada cardiorrespiratória, AVC, entre outros”, comentou. “Nem todos os municípios contam com uma ambulância de suporte avançado como nós, por isso, quando necessário, também prestamos atendimento em Esteio”, disse Letícia. Ela enfatiza que o atendimento ocorre a partir da indicação da Regulação Estadual.

A base descentralizada do SAMU fica na Rua ursa Maior, nº 442, ao lado da UPA. Atualmente, a unidade conta com uma equipe formada por 40 trabalhadores, entre médicos socorristas, enfermeiros, técnicos em enfermagem, condutores socorristas, administrativo e higienização. Fazem parte da frota uma ambulância de suporte básico e uma ambulância de suporte avançado, além de um veículo de intervenção rápida para os casos em que seja necessário rápido deslocamento, sinalização de cena, e múltiplas vítimas.

Uma década salvando vidas: Kátia Terezinha de Mello trabalha no SAMU há dez anos. Ela começou como condutora, e hoje é técnica de enfermagem. Apaixonada pelo trabalho, diz que o desafio é diário, mas gratificante. “Temos segundos para avaliar uma situação, e realizar nosso trabalho. Mas é um prazer imensurável, pois temos a oportunidade de salvar vidas”, conta.

E entre as vidas que Kátia ajudou a salvar, está a de Joizer. Ele fraturou a coluna, a costela e os dois braços, e perfurou um pulmão. “Eu  não lembro muita coisa do acidente nem do atendimento, pois perdi a consciência, mas minha mãe falou que eles vieram muito rápido, e sabiam o que estavam fazendo. A SAMU salvou a minha vida”, conta o comerciante.

Homenagem e jantar: O SAMU completou dez anos de serviços prestados em Sapucaia no dia 17 de junho.  Por conta disso, será homenageado pela Câmara de Vereadores em Sessão Solene no dia 26 de junho, às 19h. Já no dia 6 de julho, ocorrerá um jantar na Associação dos Funcionários Municipais de Sapucaia do Sul, às 20h, para funcionários, ex-funcionários e apoiadores e pacientes.

Saiba Mais: O SAMU é um serviço público especializado, que funciona 24 horas por dia, sete dias por semana, no atendimento pré-hospitalar móvel. O serviço presta socorro a pessoas em situações de dano grave à saúde, seja ele de natureza clínica, cirúrgica, traumática, obstétrica, pediátrica, psiquiátrica, entre outras. O SAMU é regulado por uma Central Metropolitana, que recebe os chamados por meio do número 192 e direciona a equipe para o atendimento.

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo