DestaqueSaúde

Os principais sintomas da cegueira

Um estudo realizado pela “Lancet”, revista científica publicada no Reino Unido, indicou que, atualmente, a cegueira afeta 36 milhões de pessoas em todo o mundo e a expectativa para 2020 é que cerca de 38,5 milhões de pessoas sejam portadoras da deficiência. “Além das doenças oculares que podem provocar a cegueira, outros motivos que podem colaborar para o aumento de deficientes visuais são o envelhecimento da população, sedentarismo, hábito de fumar e doenças crônicas como a diabetes e pressão alta. Por isso, é imprescindível que o paciente faça consultas regulares ao oftalmologista”, explica o oftalmologista e professor da USP, Dr. Rony Preti, fundador do Preti Eye Institute.

O falta de acesso à saúde, também, é um dos fatores que colabora para o aumento dos casos de cegueira, por isso, é importante que o país dê atenção à população de risco. “Por exemplo, indivíduos com mais de 40 anos são mais propensos a desenvolver doenças como o glaucoma. Já os pacientes que têm diabetes, possuem maiores chances de apresentar problemas na retina. Logo, conscientizar a população a procurar um especialista, caso apresentem sintomas anormais, como manchas escuras no campo visual, ou então, vista embaçada, é a melhor estratégia para combater este elevado índice de deficientes visuais”, completa.

O especialista explica, ainda, que o glaucoma, degeneração macular e retinopatia não apresentam sintomas iniciais, como, por exemplo, a catarata. Por este motivo, a probabilidade de um diagnóstico tardio, nestes casos, é alta. “A catarata, entre os principais problemas oculares que causam a cegueira, é a única que é completamente reversível. Durante a cirurgia, o cristalino danificado é substituído por uma lente artificial. Já no caso das outros problemas oculares, são realizados tratamentos para que a doença não avance, mas, não é possível recuperar totalmente a visão”, afirma.

Para evitar o diagnóstico tardio, é importante que o paciente saiba reconhecer os sintomas das doenças que mais causam cegueira em todo o mundo. “O principal sintoma da catarata e da retinopatia diabética é a vista embaçada ou turva. Já o glaucoma causa estreitamento visual, enquanto a degeneração macular provoca a perda do campo central da visão, além de linhas tortas. A presbiopia, não é considerada doença e sim uma condição que causa dificuldade de foco e leitura a curta distância, após os 40 anos de idade. Então, caso o paciente apresente alguma destas queixas, é necessário que procure por um oftalmologista o quanto antes, para evitar que a visão seja ainda mais comprometida pela doença”, finaliza Preti.

Artigos relacionados