RS

Comusa atende demanda da comunidade de Lomba Grande

Obras de substituição de rede acontecem no Residencial Jardim da Figueira, que está recebendo dois mil metros de novos canos

O programa de substituição de redes da Comusa segue avançando pela cidade. Desta vez o bairro que está recebendo novas tubulações é Lomba Grande devido a uma necessidade verificada pelas equipes de servidores da própria autarquia a partir das solicitações dos moradores do local.

Os trabalhos iniciaram no último dia 29 de janeiro e devem prosseguir nos próximos dias quando cerca de dois quilômetros de tubulações serão substituídos no Residencial Jardim da Figueira – Etapa 2. As equipes concentram suas atividades na Rua José Rude Walzburger, local em que foi identificado o maior número de ocorrências de vazamentos na rede. Na sequência, outras ruas do bairro serão contempladas com a melhoria.

Publicidade

Conforme o Diretor Geral da Comusa, Marcio Lüders, a decisão de fazer a mudança das tubulações ocorreu o mais rápido possível. “Os trabalhos da empresa foram iniciados prontamente, tendo em vista os inúmeros problemas de rompimento da rede instalada no local”, ressaltou. Assim como as demais obras de substituição de rede, os recursos são provenientes da própria autarquia.

REDE ANTIGA – A equipe de técnicos da Comusa que esteve acompanhando o serviço de consertos de vazamentos pode verificar que a tubulação instalada no Residencial Jardim da Figueira era de baixa qualidade e se rompia com facilidade devido ao atrito com o solo. Outro problema constatado foi a profundidade em que a rede foi colocada, ficando abaixo no nível praticado pela autarquia, o que dificultada o próprio serviço de manutenção. Diante deste conjunto de problemas, a solução mais eficiente foi a substituição total dos canos, pois as reiteradas ações de conserto não se mostraram eficientes para garantir o abastecimento no bairro.

Vale ressaltar que a antiga rede não foi instalada pela Comusa, pois o local trata-se de um loteamento, em que as obras iniciais de infraestrutura são de responsabilidade da empresa loteadora. A autarquia já iniciou processo para verificar possíveis irregularidades ocorridas.

Publicidade
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar