DestaqueNegóciosRio Grande do Sul

Pesquisadores da Embrapa conhecem produção de batata-doce no RS

Produtores de batata-doce de Guaíba, Barra do Ribeiro, Mariana Pimentel, Sertão Santana, Barão do Triunfo e Caraá e extensionistas rurais sociais da Emater/RS-Ascar estiveram contando e mostrando para pesquisadores da Embrapa do Distrito Federal como é a cadeira produtiva deste tubérculo no Rio Grande do Sul. A atividade foi realizada por meio de um roteiro nas propriedades rurais desses municípios, entre segunda-feira (22/04) e quinta-feira (25/04). Além disso, a Ceasa, em Porto Alegre, também recebeu os pesquisadores que conheceram como se dá a comercialização no local.

Além de conhecer esta cultura que é desenvolvida no Estado por agricultores familiares e em pequenas escalas, os pesquisadores Débora de Faria Albernaz Vieira, mestre em Agronegócios e analista do setor de Desenvolvimento e Inovação da Embrapa Hortaliças, e o pesquisador Raphael Augusto de Castro e Melo, também apresentaram o Projeto de Melhoramento da Batata-doce desenvolvido por eles.

Os pesquisadores buscaram ainda, nesta visita técnica, detectar possíveis problemas que afetam o melhoramento genético e a produção. Segundo o projeto desenvolvido pela Embrapa, em Brasília, a pesquisa é fundamental para a prosperidade do sistema de produção dos agricultores. Estiveram acompanhando o roteiro, o assistente técnico estadual em Olericultura e engenheiro agrônomo Gervásio Paulus, e o assistente técnico regional em Hortigranjeiros, Luís Bohn.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo