DestaqueSerra Gaúcha

Picada Café debate proteção de fonte na Semana do Meio Ambiente

No Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado na quarta-feira (5), a Emater/RS-Ascar realizou uma ação sobre proteção de fonte, em Picada Café. A atividade integra a programação da Semana do Meio Ambiente do município, que acontece até sábado (8), e prevê várias ações para enfatizar atitudes positivas em favor do meio ambiente, envolvendo escolas e comunidade. O tema foi abordado pela engenheira florestal da Emater/RS-Ascar, Adelaide Ramos, e pelo engenheiro agrônomo Neuri Frozza.

Conforme Adelaide, água disponível para uso com qualidade e em quantidade é uma grande preocupação no meio rural. Muitas comunidades ainda não possuem sistemas de abastecimento público ou comunitário. Nas propriedades rurais é comum que as famílias façam uso das águas das nascentes para consumo, dessedentação animal, atividades do dia a dia como cozinhar e lavar, irrigação, entre outros.

Por isso, a adoção de medidas preventivas, visando à preservação das fontes de água, e o tratamento das águas já comprometidas são ações necessárias para diminuir o risco de ocorrência de doenças que se propagam pela água. Dentre essas medidas está a proteção de nascentes através da implantação de um sistema de captação da água de nascentes e olhos d’água.

“Ao se trabalhar a proteção de nascentes, a construção da estrutura física não deve ser feita de forma isolada, mas estar integrada com a adoção de boas práticas de conservação de água e solo no entorno para evitar a contaminação da água”, destacou Frozza.

De acordo com Adelaide, as intervenções em nascentes que são Áreas de Preservação Permanente (APPs) devem observar alguns aspectos legais, como as Resoluções do Consema nº 314/2016, 361/2017 e 362/2017, que dispõem sobre a proteção de nascentes como atividade eventual ou de baixo impacto ambiental e de proteção sanitária. As referidas resoluções citam a Emater/RS-Ascar para elaborar material orientador de forma a estabelecer critérios técnicos e padronização de procedimentos de proteção das nascentes. “Como forma de avaliar a qualidade da água é recomendado que se realize um monitoramento das condições da água através de testes de potabilidade”, conclui a engenheira florestal.

Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios