RS

Mulher e a cozinha é tema no 5º Festival de Gastronomia

O machismo dentro da cozinha foi tema de uma Roda de Conversa no 5º Festival de Gastronomia da 27ª Feira Nacional do Doce. Intitulada “A mulher na cozinha”, a atividade aconteceu nesta quinta-feira (06), com a a professora de doçaria da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Carmelita Jardim, e as estudantes de Gastronomia Ana Paula da Rosa, Ana Julia Vergeiro, Diedja Figueira e Bruna Schwalbert.

Gratuita e aberta ao público, a roda de conversa trouxe ao debate temas oriundos do machismo e que acompanham diariamente as profissionais. Entre os assuntos abordados estiveram tabus como ‘mulher que sabe cozinhar está pronta para casar’, mulheres adotando posturas ditas masculina para serem respeitadas e conceitos como ‘gênero’, ‘feminismo’, ‘machismo’, ‘sororidade’ e ‘empatia’.

O assunto já é debatido no Projeto de Ensino Maria Brasileira, realizado na Universidade, com intuito de promover o debate e troca de ideias sobre as relações entre a mulher e a cozinha. “Nos estamos em um ambiente na maioria masculino, e é muito difícil a gente se inserir e queremos que as alunas e a comunidade entendam que a mulher tem seu espaço”, afirma a professora Carmelita.

O projeto é aberto para a comunidade e, de acordo com estudante Bruna, pretende abranger todas as cozinheiras de Pelotas, visando uma mudança social. “Temos muitas cozinheiras no município, e queremos chamar todas para se envolver e conseguir crescer”, afirma. Para participar dos eventos ou esclarecer dúvidas basta encaminhar um e-mail para projetomariabrasileira@gmail.com.

Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios