DestaqueRegião Metropolitana

Comarca de Viamão lança projeto Apadrinhar

A Comarca de Viamão lança amanhã (11), às 14 horas, o projeto Apadrinhar, no Salão do Júri (avenida Bento Gonçalves, 90, Centro). A iniciativa é da juíza titular do Juizado da Infância e Juventude, Carine Labres, e tem por objetivo possibilitar a construção de vínculos afetivos entre crianças e adolescentes em situação de acolhimento, com pessoas da comunidade.

O projeto é voltado para crianças e adolescentes com remotas possibilidades de retornarem às famílias biológicas ou que não fazem parte do perfil desejado para adoção: crianças a partir dos sete anos de idade, adolescentes, grupos de irmãos e jovens com deficiência podem fazer parte do projeto.

Passear, brincar, viajar, apoiar e orientar são atribuições de qualquer padrinho. Mas, para crianças e adolescentes que vivem em abrigos ou casas lares, com poucas chances de adoção, esta pode ser a chance de construírem laços afetivos duradouros fora da instituição em que vivem.

Padrinhos e madrinhas podem visitar regularmente seu afilhado ou afilhada, além de acompanhar em eventos da escola e outras atividades. A iniciativa não concede a guarda dos jovens aos padrinhos, mas permite que façam parte da vida dos afilhados, desempenhando um importante papel de incentivo e carinho.

QUEM PODE SER PADRINHO OU MADRINHA:

· Pessoas idôneas, com no mínimo 18 anos de idade, com disponibilidade de tempo que possibilite o contato regular com o afilhado (a) e para participar das oficinas e reuniões com a equipe do projeto.

Publicidade
Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios