DestaquePolícia

Polícia apreende adolescente apontado como autor de homicídio em Erechim

Na tarde desta sexta-feira, 04 de outubro de 2019, a Polícia Civil, através da 2ª Delegacia de Polícia de Erechim, apreendeu um adolescente de 17 anos, o qual foi apontado como autor do homicídio de ocorrido no último dia 20 de agosto de 2019, no bairro Progresso, em Erechim.

Conforme elucidado pela investigação da 2ª DP, no início da madrugada do dia 20-08-2019, o Corpo de Bombeiros foi acionado por moradores da Rua Wilson Webber, no bairro Progresso, para conter as chamas em uma residência. Após o rescaldo, os bombeiros perceberam a existência de um corpo humano, parcialmente carbonizado, caído no chão da sala.

Publicidade

Ainda naquela madrugada a perícia do IGP identificou a vítima, que seis dias antes do crime, havia completado 34 anos de idade. O laudo de necropsia revelou diversas lesões no corpo dela, dentre as quais, ferimentos por arma branca.

A Polícia Civil iniciou então uma exaustiva investigação criminal, até chegar ao adolescente de 17 anos, também morador do bairro Progresso. Durante sua oitiva, na última quinta-feira, 26 de setembro de 2019, o menor acabou confessando o crime. Contou aos policiais que é usuário de drogas, e que a vítima teria “falado mal” de um familiar seu, motivo pelo qual resolveu matá-lo. O adolescente teria batido a cabeça dela contra as paredes da casa, e depois, teria desferido 13 golpes no pescoço da vítima, utilizando uma chave de fenda. Não satisfeito, o menor cobriu o corpo da vítima com cobertores e ateou fogo, vindo a queimar toda a residência.

O Delegado de Polícia José Roberto Lukaszewigz, titular da 2ª DP de Erechim, sugeriu então ao Ministério Público a internação do adolescente. Após representação do Exmo. Sr. Promotor de Justiça, foi expedido um mandado de busca e apreensão de adolescente pelo Juizado da Infância e Juventude, o qual foi cumprido nesta tarde, restando o menor infrator apreendido. Após a lavratura dos documentos pertinentes, o adolescente foi encaminhado à CASE em Passo Fundo, onde permanecerá internado à disposição da Justiça.

Publicidade
Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar