DestaqueSerra Gaúcha

Canela anuncia novas Estações de Tratamento de Esgoto

Prefeitura e Corsan divulgam instalação de quatro novas unidades de tratamento de esgoto

Durante reunião realizada na tarde desta sexta-feira (11), no Paço Municipal, contando com a participação de lideranças do Poder Executivo de Canela e da Corsan – Companhia Riograndense de Saneamento, foi anunciado um importante investimento para o município: a implantação de quatro novas Estações de Tratamento de Esgoto (ETE’s). Estiveram presentes no encontro o prefeito Constantino Orsolin, o secretário de Meio Ambiente, Urbanismo e Mobilidade Urbana, Jackson Müller, o secretário Adjunto da pasta, David Keller, o secretário de Obras, Serviços Urbanos e Agricultura, Luiz Cláudio da Silva, além do diretor de Expansão da Corsan, Eduardo Carvalho e outros representantes da companhia.

O investimento será possível por meio de uma parceria entre a Prefeitura e a Corsan, com o objetivo de atender as necessidades e demandas do município no que se refere ao tratamento de esgoto. Os equipamentos estavam sendo utilizados na cidade de Alvorada e deverão ser reinstalados em Canela nos próximos meses. “É uma ação que vai impactar diretamente na qualidade de vida da população canelense, já que atualmente apenas cerca de 13% do esgoto da cidade é tratado de forma correta. Mas com estas quatro novas ETE’s, projetamos atingir a marca de 50% de tratamento de todo esgoto gerado em Canela”, analisa o secretário Jackson Müller.

Publicidade

REGIONALIZAR O TRATAMENTO

Na próxima semana uma comitiva com representantes da Prefeitura de Canela e da Corsan percorrerá a cidade para executar um diagnóstico e definir os locais e as regiões do município que devem receber as ETE’s. O secretário Jackson Müller adianta que a intenção é ‘regionalizar e automatizar’ o serviço de tratamento de esgoto. “Além de gerar economia para os cofres públicos, vamos priorizar as regiões da cidade que possuem demandas reprimidas e aquelas que estão recebendo novos empreendimentos”, destaca Jackson.

O secretário ressalta que as quatro novas ETE’s possuem capacidade para atender uma população de 20 mil habitantes. “Canela está vivendo um momento de pujança econômica e estas Estações de Tratamento serão alternativas para os empreendedores que estão investindo no município. É o exemplo de que o Poder Público e a iniciativa privada devem andar de mãos dadas em prol do desenvolvimento”, disse o prefeito Constantino Orsolin.

Publicidade
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar