Polícia

Polícia Civil inaugura Sala das Margaridas em Viamão

Inaugurou ontem (4), em Viamão, a Sala das Margaridas, uma iniciativa da Polícia Civil do Rio Grande do Sul. As novas atividades vão ser desempenhadas nas dependências da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) do município, localizada no Centro da cidade.

A Sala das Margaridas faz parte de um projeto de acolhimento humanizado às mulheres em situação de violência, sendo possível o registro de ocorrência policial, oitivas, solicitações de medidas protetivas de urgência e demais encaminhamentos previstos na Lei Maria da Penha.

Publicidade

A programação foi realizada por representantes do Poder Judiciário, Ministério Público, Polícia Civil, Brigada Militar, Instituto Geral de Perícias, Coordenadoria da Mulher de Viamão e Coordenadoria da Juventude de Viamão. Com duração de dois dias, contou com painéis sobre estrutura multidisciplinar, atendimento às vítimas de violência de gênero, enfrentamento à violência contra a mulher, desafios da Lei Maria da Penha, dentre outros.

Após a cerimônia de inauguração da Sala das Margaridas, foi realizada a abertura do Seminário “Capacitar e Humanizar – Políticas Públicas e Ferramentas de Polícia Judiciária para o Enfrentamento da Violência Contra a Mulher”, com a finalidade de capacitar a Rede de Atendimento do Município de Viamão. O Seminário foi organizado pela Delegacia da Mulher de Viamão, em parceria com o Centro de Referência ao Atendimento às Mulheres de Viamão.

Participaram da abertura, a Chefe de Polícia, delegada Nadine Anflor, o secretário de Obras e Serviços Públicos de Viamão, Vladimir Bandeira, representando o Prefeito de Viamão, a vereadora Belamar Pinheiro, representando o Presidente da Câmara Municipal de Viamão, a Promotora de Justiça Tatiana Alster, representando o Ministério Público de Viamão, a diretora do Departamento de Polícia Metropolitana (DPM), delegada Adriana Regina da Costa, o diretor Regional da 1ª DPRM, delegado Rodrigo Bozzetto, a diretora do Departamento Estadual de Proteção a Grupos Vulneráveis (DPGV), delegada Shana Luftz Hartz, a delegada Daniela Malvasio, representando a diretora da Acadepol e a delegada Jeiselaure de Souza, titular da Delegacia da Mulher de Viamão.

Publicidade
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar