GeralNegócios

Angus Rio da Paz fatura mais de R$ 1 milhão em primeira edição do leilão virtual

Com compradores de Minas Gerais, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul, a Fazenda Angus Rio da Paz faturou mais de R$ 1.020.000,00 com a venda de 46 matrizes puras de origem (PO) na primeira edição do seu leilão virtual. Os animais, arrematados no último sábado (8/8), possuíam altos índices de desempenho genético no Programa de Melhoramento de Bovinos de Carne (Promebo) da Associação Nacional de Criadores Herd-Book Collares (ANC). Segundo o proprietário da fazenda, Antônio Zancanaro, apesar das dificuldades causadas pela pandemia de Covid-19, foi possível reverter o cenário de forma positiva e eficaz. “Neste ano, tudo que vivemos é novo, mas graças a nossa dedicação e foco na avaliação de carcaça e nos índices do Promebo conseguimos alcançar os números altos que desejamos. Hoje, não podemos mais trabalhar sem essas ferramentas na pecuária”, afirmou.

A matriz mais valorizada do leilão foi Emi da Rio da Paz, do lote 52, vendida por R$ 180 mil para Fernando Mantovani, de Cascavel (PR). Em 2018 e 2019, Emi foi considerada nº 1 como mãe no Promebo. Outros dois animais bem avaliados também tiveram boa valorização no remate: Capanegra da Rio da Paz, do lote 17, foi vendida por R$ 63,6 mil para a VPJ Pecuária, de Mococa (SP). A matriz, que está prenhe de Nero da Rio da Paz (touro jovem do Promebo) foi a que apresentou os maiores índices de desmama (56,05) e final (58,75). A VPJ também arrematou a vaca Tina da Rio da Paz, do lote 2, por R$ 45 mil. O animal foi valorizado por ser Deca 1 para os três índices do Programa de Melhoramento: Índice de Desmame, índice Final e Índice Bioeconômico de Carcaça (IBC). A média geral das fêmeas ficou em R$ 22,5 mil.

Para o inspetor técnico da Associação Brasileira de Angus Fernando Velloso, a valorização do leilão é consequência do respaldo de dados que a Rio da Paz tem de seus animais. “A Angus está alinhada ao uso da tecnologia no campo e na valorização dos criadores que já trabalham com essas ferramentas”, destacou. O evento foi conduzido pela empresa Panorama Leilões e o martelo foi conduzido pelo leiloeiro Max Tedy Teixeira.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo