Rio Grande do Sul

Prefeitos da Região 27 aprovam protocolo regional para distanciamento controlado

Prefeitos e representantes de 10 das 12 cidades que formam a Região 27, de acordo com a determinação do Governo do Estado para o enfrentamento a Covid-19, participaram nesta manhã (14) de um encontro na Casa de Cultura Paulo Salzano Vieira da Cunha, em Cachoeira do Sul, onde definiram a proposta regional de protocolo de distanciamento controlado.

A proposta é a aplicação de um protocolo misto entre as regras da bandeira laranja e vermelha conforme a avaliação da situação da semana. O protocolo regional poderá ser utilizado no caso do Governo do Estado classificar a Região como bandeira vermelha.

O Decreto Estadual 55.435 determina que poderá ser aplicado protocolo específico, desde que ele seja formalizado pela região e apresentando ao Gabinete da Crise do Governo Estadual. O documento deve ser assinado por responsável técnico, médico ou profissional da Vigilância em Saúde há mais de dois anos.

Os protocolos regionais precisam observar peculiaridades locais, respeitando embasamentos científicos e critérios epidemiológicos e sanitários, além de ter a aprovação de pelo menos dois terços dos prefeitos da região.

Alimentação

No encontro, os prefeitos deliberaram sobre os parâmetros que serão adotados em cada atividade, respeitando a bandeira imediatamente anterior. Assim, caso a região obtenha nota para ingressar na bandeira vermelha, a proposta apresenta sugestões para que o impacto seja menor para a população, principalmente no que diz respeito a fechamento de atividades.

Entre as propostas está a abertura das empresas do ramo de alimentação, em caso de bandeira vermelha, em sete dias da semana, das 7h às 22h. Outra proposta é para o comércio com a adoção de medidas intermediárias entre a bandeira vermelha e laranja, com horário das 9h às 18h, sem restrição de dias.

COMITÊ – No encontro também foi formado o Comitê Regional que atuará na elaboração deste protocolo. Já ficou definido que fará parte do médico infectologista do HCB Lucas Dalke, o secretário da Saúde, Roger Gomes da Rosa, o chefe do DVS Eduardo Streb, o secretário da Saúde de Encruzilhada do Sul, Pedro Soares de Freitas e o chefe da Vigilância Epidemiológica de Caçapava do Sul, Luiz Ilha e os prefeitos de Cachoeira do Sul, Sergio Ghignatti e de Cerro Branco, Jorge Hoffmann.

A previsão é que os termos do protocolo sejam concluídos no início da próxima semana para que logo sejam encaminhados ao Governo do Estado. Desta forma, ele pode entrar em vigor na semana seguinte, caso a região atinja nota para entrar em bandeira vermelha.

Prefeitos contra o retorno das aulas

Os prefeitos foram unânimes no posicionamento contra o retorno das atividades escolares neste momento. Eles definiram ainda que encaminharão um documento em conjunto para o Governo do Estado, firmando esta posição.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo