Negócios

Grupo Xalingo fatura de R$ 150 milhões em 2020

Empresa de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul, une tradição e inovação em novo ciclo

Em uma área de 36 mil metros quadrados, em Santa Cruz do Sul-RS, o Grupo Xalingo abriga 3 operações: Brinquedos (educativos, elétricos, jogos, licenciados, triciclos, playgrounds, entre outros), Soluções (produtos para o setor agrícola) e Miper (matrizaria).

Faturamento histórico:  Franz Semmelmann, Rodrigo Ebert Harsteln e Ednei Aquino – Fotos: Divulgação

No último ano, a empresa obteve crescimento de 30% em relação a 2019 e pretende manter o mesmo ritmo em 2021. De acordo com a instituição, várias iniciativas auxiliaram nesse processo de expansão, como o novo centro de distribuição em Barra Velha-SC, o lançamento do e-commerce da unidade de brinquedos e a ampliação do portfólio de peças para máquinas agrícolas.

Em junho de 2020, a Xalingo também anunciou Rodrigo Ebert Harsteln como seu novo presidente. Há 4 anos na companhia, o executivo passou pelos principais departamentos do grupo. A empresa ainda tem Franz Semmelmann como diretor comercial e Ednei Aquino como diretor administrativo financeiro.

A nova diretoria pretende auxiliar ainda mais na geração de empregos e renda em um momento tão delicado. Em plena pandemia, a companhia contratou mais de 100 pessoas, contando atualmente com cerca de 600 colaboradores.

Para 2021, a empresa desenvolveu uma coleção incrível e deve apresentar ao mercado cerca de 100 lançamentos nacionais durante o ano, além dos importados que devem chegar aos principais pontos de venda nas próximas semanas.

XALINGO EM NÚMEROS

  • R$ 150 milhões – faturamento em 2020
  • 30% crescimento
  • 850 produtos no portfólio
  • 480 para 600 colaboradores
  • 210 mil produtos fabricados por mês
  • 10.000 mil pontos de venda atendidos em todo o Brasil

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo