Rio Grande do Sul

Saúde do RS promove atividades de incentivo ao aleitamento materno

Com o tema “Proteger a amamentação: uma responsabilidade de todos”, as atividades da Semana Mundial do Aleitamento Materno serão realizadas a partir deste domingo (1/8) até o próximo sábado (7/8). A programação é alusiva ao Agosto Dourado, mês dedicado ao incentivo do aleitamento materno.

A agenda se inicia com a iluminação cênica de prédios públicos e privados de Porto Alegre, com luzes douradas (âmbar) em alusão ao leite materno, “considerado alimento padrão ouro para os bebês”, explica a nutricionista Kátia Rospide, responsável pelas ações de incentivo ao Aleitamento Materno da Secretaria da Saúde (SES).

Na segunda-feira (2/7), ocorrerá a pré-conferência que será ministrada pelo médico pediatra Carlos Gonzalez, da Universidade Autônoma de Barcelona. Na terça-feira (3/8) será a abertura oficial do 13º Seminário Estadual da Semana Mundial da Amamentação e do 8º Seminário Estadual da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil. A programação vai até quarta-feira (4/8) em formato online. A promoção é da SES, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre e o Conselho Regional de Nutricionistas – 2ª região.

“A mensagem do tema escolhido pela Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno diz que é hora de informar, enfocar, engajar e articular ações para promover, proteger e apoiar o aleitamento materno em nosso Estado”, desztraca Kátia Rospide. “O aleitamento materno garante a sobrevivência, a saúde e o bem-estar das crianças e de suas famílias.”

A nutricionista informa que, apesar do crescimento dos indicadores de aleitamento materno no Brasil, dados do relatório preliminar do Estudo Nacional de Alimentação e Nutrição Infantil (Enani), do Ministério da Saúde, apontam que menos da metade (45,7%) das crianças menores de seis meses de idade recebe a amamentação exclusiva. A prevalência de aleitamento materno continuado aos 12 meses (crianças de 12 a 15 meses) foi de 53,1%. O estudo avaliou 14.505 crianças brasileiras menores de cinco anos entre fevereiro de 2019 e março de 2020.

Amamentação na pandemia

O Ministério da Saúde recomenda a manutenção da amamentação durante a pandemia. A orientação leva em consideração os benefícios para a saúde da criança e da mulher, a ausência de constatações científicas significativas sobre a transmissão do coronavírus por meio do leite materno e o fato de não haver recomendação para a suspensão do aleitamento materno em decorrência da transmissão de outros vírus respiratórios. Nestes casos, a amamentação deve ocorrer desde que a mãe deseje e esteja em condições clínicas adequadas para fazê-lo.

Vantagens do aleitamento para as crianças

Menos alergias, infecções, diarreias, doenças respiratórias e otites, além de menos chances de desenvolver obesidade e diabetes tipo 2.
Alcançam melhor desempenho em testes de inteligência e se transformam em adultos mais saudáveis e produtivos.
É o alimento mais completo para o bebê e tem tudo que ele precisa para se desenvolver de forma saudável até os seis meses de vida. A partir dos seis meses, a orientação é para que o bebê continue mamando até os dois anos ou mais e seja introduzida a alimentação complementar saudável.

SEMINÁRIO

Segunda-feira (2/8)
10h – Pré-Conferência: Uso e abuso das curvas de peso
Carlos Gonzalez – médico pediatra da Universidade Autônoma de Barcelona

Terça-feira (3/8)
19h – Abertura e boas vindas
Conferência: Proteger a amamentação – Uma responsabilidade de todos
Valderez Aragão, nutricionista, membro da IBFAN Brasil

Quarta-feira (4/8)
14h – Palestra: Métodos não farmacológicos do controle da dor no período neonatal – prática clínica
Juliana de Oliveira Marcatto, enfermeira, professora da UFMG

15h – Palestra: Aleitamento materno e cárie dentária – desmistificar para proteger
Lívia Guimarães Zina, cirurgiã-dentista, coordenadora de mestrado na UFMG

16h – Palestra: Proteger a amamentação é proteger a saúde coletiva: caminhos e reflexões
Cristiano Siqueira Boccolini, nutricionista, pesquisador da Fiocruz

Os eventos serão transmitidos no canal do Conselho Regional de Nutricionistas – 2º Região no Youtube.

CALENDÁRIO DA ILUMINAÇÃO DE PRÉDIOS

Palácio Piratini – 1 a 7 de agosto
Assembleia Legislativa – 1 a 7 de agosto
Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff) – 1 a 7 de agosto
Tribunal de Justiça – 1 a 7 de agosto
Ponte do Guaíba – 1 a 7 de agosto
Estádio Beira-Rio – 2 de agosto
Arena do Grêmio – 1 a 7 de agosto
Câmara de Vereadores de POA – 1 a 7 de agosto
Lojas Lebes da avenida Borges de Medeiros – 1 a 7 de agosto

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Fechar