Região Metropolitana

Operação Sinaloa desarticula facção criminosa na região de Glorinha e Gravataí

Foram cumpridas 67 ordens judiciais em Glorinha, Gravataí, Sapucaia do Sul, Viamão e Alvorada

Na manhã desta quinta-feira (05/08), a Polícia Civil deflagrou a Operação Sinaloa, com objetivo de desarticular uma facção criminosa que atua no tráfico de drogas na região de Glorinha e Gravataí.

Foram cumpridas 67 ordens judiciais, sendo 32 prisões preventivas e 35 mandados de busca e apreensão nas cidades de Glorinha, Gravataí, Sapucaia do Sul, Viamão e Alvorada; e, ainda, na Cadeia Pública de Porto Alegre e na Penitenciária de Canoas. Até o momento 16 pessoas foram presas, sendo que 6 já estavam recolhidas ao sistema prisional. Restaram apreendidos R$ 18 mil, armas de fogo, drogas e celulares.

A investigação, que iniciou há 8 meses, apontou que a facção criminosa é organizada e extremamente violenta, sendo responsável por vários homicídios e ameaças a consumidores e integrantes de organizações criminosas rivais.

O nome da operação faz referência ao “Cartel de Sinaloa”, uma organização criminosa que atua no tráfico de drogas, que surgiu na década de 80, no México, caracterizada por ser extremamente violenta.

Mais informações poderão ser obtidas com o Delegado Juliano Ferreira, Diretor da 1ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana (1ª DPRM) e Delegado da Delegacia de Polícia de Glorinha.

Publicidade
Botão Voltar ao topo