Serra Gaúcha

Garibaldi assina termo e passa a integrar o Projeto Resíduos Serra

O Município de Garibaldi juntamente com o Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável da Serra Gaúcha (CISGA), o COREDE SERRA e a Universidade de Caxias do Sul assinaram nesta sexta-feira (17), um Termo de Cooperação do Projeto Resíduos Serra.

O Projeto contempla 34 municípios das regiões da Serra Gaúcha, Hortênsias e Campos de Cima da Serra, sendo que consiste na aplicação de duas técnicas de processamento dos resíduos sólidos urbanos. Um processo bioquímico (de gestão anaeróbia) e um processo termoquímico (pirólise), que serão aplicados separadamente ao lixiviado (chorume) e o restante do material formado na prensagem do Resíduo Sólido Urbano.

O estudo que está sendo desenvolvido pela Universidade de Caxias do Sul, com o apoio dos municípios tem por objetivo gerar energia a partir do processo de biodigestão e comercialização do char (produto gerado na pirólise do resíduo).

O Projeto visa solucionar o problema que os Municípios têm com a destinação dos resíduos sólidos para aterro sanitário, os quais já encontram-se sobrecarregados.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação. Mais informações

As configurações de cookies neste site são definidas para "permitir cookies" para fornecer a você a melhor experiência de navegação, anúncios relevantes e maior segurança do usuário. Se você clicar em "prosseguir", vamos entender que está satisfeito com ele. Consulte nossa Política de Privacidade.

Fechar