Rio Grande do SulSaúde

Montenegro amplia acesso a contraceptivos através dos postos de saúde

Em Montenegro, a Secretaria Municipal de Saúde coloca à disposição da comunidade uma série de métodos anticoncepcionais, que agora podem ser obtidos também nos postos de saúde (unidades básicas). São preservativos masculinos e femininos e contraceptivos orais e injetáveis. Fora os preservativos, os demais requerem prescrição médica. Já a laqueadura, o DIU de cobre e a vasectomia só são autorizados após uma consulta com médico e assistente social na Secretaria Municipal de Saúde.

Embora os atendimentos de planejamento sexual e reprodutivo já existam há muito tempo, os métodos contraceptivos só eram oferecidos na farmácia da Secretaria da Saúde, na Timbaúva. Essa situação dificultava o acesso para as pessoas que moram distante destes locais. “A ampliação para todas as unidades representará uma grande melhoria para o usuário. A pessoa vai consultar e já sairá com o método e poderá iniciar seu uso no mesmo dia”, explica a secretária municipal da Saúde, Cristina Reinheimer.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, cerca de 500 gestações na cidade foram indesejadas somente no ano de 2019 – último dado disponível. “Muitas delas poderiam ter sido evitadas. Nós temos a convicção de que o planejamento reprodutivo é um dos investimentos de maior custo-benefício que uma cidade pode fazer para seu futuro”, afirma Cristina.

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo