EsportesPelotas

Pelotas retoma treinamentos de taekwondo na segunda-feira (10)

Cerca de 40 alunos do projeto Quem Luta Não Briga (QLNB), um dos braços do Pacto Pelotas pela Paz, programa da Prefeitura, retornam aos treinamentos de taekwondo na segunda-feira (10). As práticas serão retomadas visando à preparação para o Campeonato Open Sul, organizado pela Confederação Brasileira de Taekwondo (CBTKD) e pela Federação Gaúcha de Taekwondo. Neste ano, a etapa regional será em Sapucaia do Sul, nos dias 25, 26 e 27 de março.

Publicidade

Os treinos são voltados para pessoas com 12 anos ou mais e ocorrem no Instituto de Menores Dom Antônio Zattera (IMDAZ), na avenida Domingos de Almeida, 3.150, no bairro Areal, de segunda a sexta-feira das 9 às 11h. Todos os atletas deverão, obrigatoriamente, fazer uso de máscara de proteção e de álcool em gel, além de cumprir o distanciamento social.

O coordenador do projeto Quem Luta Não Briga, mestre Rossano Diniz, destaca que a atividade é atípica já que, no mês de janeiro, as equipes estão em férias. “Queremos proporcionar aos nossos alunos a oportunidade de participar de um evento diferente. Esse campeonato é interestadual, e a etapa sul vai acontecer aqui no nosso Estado. É mais uma chance de mantermos o nível dos nossos atletas de alto rendimento e qualificar aqueles que têm um grande potencial”, destacou Diniz.

Os preparadores físicos Ícaro Schultze e Pablo Peres também compõem a equipe que retorna no dia 10.

O que será feito durante a preparação

Os treinamentos, chamados de ‘Camp’, serão realizados até o final de janeiro. Durante quatro semanas, os atletas participarão de palestras sobre preparação física, fisioterapia, entre outras atividades. Os debates serão ministrados por componentes da equipe do projeto Quem Luta Não Briga e por parceiros do Instituto de Menores Dom Antônio Zattera e das Universidades Federal e Católica de Pelotas.

Está prevista, para a próxima semana, a abertura do ‘Camp de Imersão’. De acordo com Diniz, a imersão é um momento no qual atletas de equipes parceiras treinam com os da Prefeitura, a fim de promover interação entre eles, e os treinadores possam colaborar com o desenvolvimento dos lutadores.

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo