Porto AlegreRSSerra Gaúcha

CAXIAS DO SUL ESTÁ EM 37º LUGAR NO RANKING DAS 100 MELHORES CIDADES EM SANEAMENTO BÁSICO DO PAÍS

2018 marca os 11 anos da criação da Lei de Saneamento Básico

Entre os municípios brasileiros, Caxias do Sul se destaca na 37ª posição no ranking das 100 melhores cidades em questões de saneamento básico do país, conforme o Instituto Trata Brasil. Em nível de estado, Caxias ocupa a 2ª colocação entre as seis cidades gaúchas que aparecem na classificação, ficando atrás apenas de Porto Alegre.

O diretor-presidente do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), Giovani Zappas, considera importante a colocação do município, mas avalia que ainda pode ser melhorada. “Este é um número considerável e que pode ser comemorado. Porém, temos muito para melhorar e evoluir, investindo na estrutura do saneamento de Caxias do Sul”, opina.

Publicidade

A autarquia lembra que no mês de janeiro foram celebrados os 11 anos da entrada em vigor da Lei Federal nº 11.445, de 2007, que estabelece diretrizes para o saneamento básico. O serviço considera abastecimento de água potável, esgotamento sanitário, drenagem e manejo das águas pluviais, limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos.

Segundo o Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), no ano de surgimento da Lei, 42% da população era atendida por redes de esgoto. Até 2015, ano mais recente em que a pesquisa foi divulgada, o índice aumentou para 50,3%.

O município possui 41 bacias mapeadas, 10 estações de tratamento de esgoto e 71 Sistemas Locais de Tratamento de Esgoto (SLTE), tratando cerca de 300 litros de esgoto por segundo e abrangendo grande parte do perímetro urbano da cidade.

Publicidade

Tratamento de Esgoto

Tratando esgoto desde 1996, o Samae tem em sua história um trabalho voltado à manutenção dos recursos hídricos da nossa cidade.

Em 2017, estão em operação 10 Estações de Tratamento de Esgoto e mais de 70 Sistemas Locais de Tratamento de Esgoto que compõe o Sistema de Esgotamento Sanitário do Samae, tratando cerca de 300 litros por segundo, e abrangem todo o perímetro urbano da cidade. No interior, porém, o sistema de fossa e filtro ainda é o mais indicado, levando em conta a relação custo – benefício.

Além disso, o Samae está implementando ações que visam atender a Resolução 355/2017 do Conselho Estadual do Meio Ambiente (CONSEMA), que define os parâmetros para tratamento e emissão de esgoto doméstico.

Medidas, como estas e tantas outras, que fazem de Caxias do Sul a primeira cidade do Estado nos índices de saneamento, e referência nacional no segmento.

Informações do SAMAE/PMCS

Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar