São Leopoldo

São Leopoldo garante vagas de estágio a pessoas com deficiência

O prefeito de São Leopoldo Ary Vanazzi sancionou na tarde de quarta-feira, 28 de fevereiro, a lei que reserva 10% das vagas de estágios em órgãos da administração pública direta e indireta, para pessoas com deficiência. A lei de nº 8746, de autoria da vereadora Iara Cardoso (PDT) assegura, ainda, ao estagiário, as adaptações necessárias para o desempenho da atividade. De acordo com a vereadora proponente da lei, a sociedade busca espaços é o momento de fazer a diferença e igualar os desiguais.

Na próxima semana inicia o processo de regulação da lei. O próximo passo é criar o processo de regulação da lei. O município tem 60 dias para adaptações da lei e divulgar as primeiras contratações. Os primeiros órgãos a contratar estagiários serão Semae e o Instituto de Aposentadoria e Pensões dos Servidores Municipais de São Leopoldo (IAPS) .

Também participaram do ato de assinatura da lei o presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Armando Motta, os secretários municipais de Desenvolvimento Econômico, Turístico e Tecnológico (Sedettec), Rafael Souza; do Desenvolvimento Social, Angela Machado; representante da Associação de Lúpus e Outras Doenças Reumaticas do Vale dos Sinos (Alureu), Isabel Oliveira; o presidente da Apae/São Leopoldo, Roci Ferreira; o secretário da Associação de Fiscais Tributários, Valdeci Simão; representante do deputado federal Pompeo de Mattos (PDT), Silvio Salvi e representantes da sociedade civil.

Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios