BrasilSão Leopoldo

Secretária de Habitação recebe consultora do Banco Mundial

Na terça-feira, 17 de abril, a Secretária Municipal de Habitação, Karina Camillo, recebeu a consultora do Banco Mundial, a arquiteta e urbanista Thereza Herling , que está desenvolvendo um estudo sobre projetos habitacionais de sucesso que serão referência para novos projetos. Em São Leopoldo, o projeto analisado foi o desenvolvido pela Cooperativa de Trabalho Habitação e Consumo – Construindo Cidadania – COOTRAHAB,em 2011, na gestão anterior do Prefeito Vanazzi, quando, através do Programa Minha Casa, Minha Vida Entidades foram construídas 222 casas de 52 metros quadrados, todas com acessibilidade e aquecimento solar, que transformaram a vida de centenas de pessoas.

O trabalho da Cootrahab, foi selecionado através do Ministério das Cidades, para o Banco Mundial, utilizar como referência para o desenvolvimento de novos projetos habitacionais no país e no mundo. Participaram da audiência, ainda a coordenadora da Relação Comunitária Jacinara Rosa, o chefe de Gabinete Valentin Thomaz, a diretora de Urbanismo Cora Casa Nova, e da arquiteta Cristiane Maciel da Secretaria-geral de Governo. A secretária Karina Camillo, que já presidiu a cooperativa, falou sobre o projeto. “É uma satisfação muito grande o nosso projeto construído com tanta luta, virar referência para o mundo, especialmente num período tão difícil que estamos vivendo, de corte de recursos ”, disse.

Thereza Herling, que foi secretária-adjunta de Planejamento da Prefeitura de São Paulo, na gestão de Fernando Haddad, elogiou o projeto e seu desenvolvimento em São Leopoldo: “Moradia de ótima qualidade e inserida na malha urbana, foi possível graças à união e a força das mulheres. É um exemplo de sucesso do Programa Minha Casa, Minha Vida Entidades.

São Leopoldo é referência no desenvolvimento e execução de projetos de habitação de interesse social, onde ao longo dos anos, mais de 10 mil unidades habitacionais já foram construídas.

 

Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo