ATUALGeral

Brasileiros preferem dinheiro para pagar suas contas

A popularidade dos cartões de débito e crédito ainda não foi suficiente para tirar o dinheiro em espécie do primeiro colocado como meio de pagamento de dívidas entre os brasileiros. Essa é a conclusão de em estudo feito pela Indra, empresa global de tecnologia e consultoria, ao mostrar que 47,5% da população bancarizada no País usa principalmente o dinheiro para pagar as dívidas. Quem usa o cartão vem em seguida, somando 37,5% e, em terceiro lugar, estão as pessoas que privilegiam débitos em conta, transferências e débitos diretos e automáticos, com 1,5%.

Segundo o estudo, os hábitos dos brasileiros são similares aos dos chilenos, colombianos e dominicanos, sendo a República Dominicana o país com o maior índice de pagamentos realizados com dinheiro em espécie (70,5%). Em contrapartida, os mexicanos são os únicos a usar o cartão como meio principal de pagamento (53,1%) e deixar o dinheiro em segundo plano.
“Em relação ao uso do cartão para fazer pagamentos, ainda é extensa a percepção das pessoas sobre a existência de barreiras ligadas ao comércio ou ao canal de compra, embora de forma variável conforme o tipo de barreira e o país. Existe uma ampla margem de melhoria para estimular o uso do cartão como forma de pagamento em boa parte dos países, usando iniciativas dirigidas à aceitação desses meios de pagamento por parte do comércio”, aponta o estudo.

Artigos relacionados