ATUALGastronomia

Bebidas de todo Brasil

No lançamento da Editora Alaúde, Culinária brasileira, muito prazer, a jornalista gastronômica, Roberta Saldanha, reuniu mais de 5 anos de pesquisa e cerca de 170 receitas de diversos profissionais da culinária nacional, criando um verdadeiro guia geográfico gastronômico nacional.
Na obra, a autora apresenta diversos ingredientes, bebidas e pratos principais típicos de cada região e suas curiosidades. Veja abaixo 5 curiosidades sobre bebidas típicas de cada região do país.

image001 563x468 - Bebidas de todo Brasil

REGIÃO NORTE – CAUIM
Espécie de bebida fermentada dos povos indígenas, feita com a mandioca cozida e mastigada. A saliva humana é ingrediente essencial para sua fermentação. Originariamente, era preparada com caju e diversas outras frutas.

image002 479x468 - Bebidas de todo Brasil

REGIÃO NORDESTE – CACHIMBO
Feito com mel de abelha e aguardente, acrescidos ou não de polpa de fruta – umbu, maracujá, limão, coco, goiaba e manga são as mais comuns. No sertão pernambucano, é costume servir cachimbo por ocasião do nascimento de um filho.

image003 - Bebidas de todo Brasil

REGIÃO CENTRO-OESTE – CANJINJIN

Energético e afrodisíaco, é uma espécie de licor preparado com cachaça, mel, cravo-da-índia, canela, erva-doce, gengibre, raízes e outros ingredientes secretos. A bebida é fabricada no norte do Mato Grosso e tem selo de Indicação Geográfica (IG), o que lhe permite ser exportada.

image004 308x468 - Bebidas de todo Brasil

REGIÃO SUDESTE – CAJU AMIGO
Drinque paulista feito com caju em calda, açúcar, cachaça ou vodca e suco de caju concentrado.

image005 - Bebidas de todo Brasil

REGIÃO SUL – CONSERTADA
É uma mistura de café bem forte, uma boa dose de cachaça e açúcar caramelizado com especiarias levada ao fogo. Depois de fria, a bebida é coada e está pronta para ser consumida. O nome remete ao reaproveitamento da sobra do café passado – “concertado” para obter uma nova bebida –, que costuma ser depositada no boião, um jarro de barro utilizado em cozinhas tradicionais da cidade catarinense de Bombinhas, onde se tornou patrimônio cultural da cidade em 2013.

Artigos relacionados