DestaqueSerra Gaúcha

Casa do Artesão de Caxias do Sul completa 20 anos dia 10

A Casa do Artesão de Caxias do Sul completará 20 anos na segunda-feira (10). Para comemorar o aniversário haverá coquetel, desfile de trabalhos artesanais e teatro de bonecos, no auditório da Casa do Artesão, às 16h30.

A técnica de artesanato, Rosane Devens, conta que a Casa surgiu, há 20 anos, com nove artesãos, que comercializavam seus produtos embaixo de uma escada no imóvel que, hoje, abriga a Agência FGTAS/Sine no município, na Av. Júlio de Castilhos, 1478. “Atualmente, a Casa está sediada em um imóvel maior na Av. Júlio de Castilhos, 2555, mas gostaríamos de estar em um espaço ainda mais amplo para poder expor um número maior de produtos”, completa.

Entre as expositoras está a artesã, Ilda Spindorello, que comercializa peças de crochê e tricô no espaço. “O Programa Gaúcho do Artesanato é uma maravilha. Com a renda da venda do artesanato e a ajuda do meu marido, consegui formar dois filhos”, destaca. A artesã participa das atividades da Casa desde o seu início e produz artesanato há mais de 60 anos. “Nesses 20 anos, houve um aperfeiçoamento das técnicas. O artesanato ganhou mais qualidade e ficou ainda mais bonito”, afirma.

A Casa é uma iniciativa do Programa Gaúcho do Artesanato (PGA) e envolve um espaço de exposição e comercialização que serve como ponto de apoio e incentivo aos novos artesãos. Atualmente, reúne o trabalho de cerca de 70 artesãos, que expõem e comercializam produtos de crochê, palha de trigo, madeira, pintura, biscuit e lã. Ano passado, as peças contabilizaram mais de R$ 100.000 em vendas. Além de Caxias do Sul, a Casa também atende artesãos de 60 municípios da região.

Ao todo, Caxias do Sul conta com 2.769 artesãos cadastrados no PGA. Desse total, 72,2% são mulheres; 25,5% têm entre 51 e 60 anos; 21,5%, 61 e 70 anos; e 18,6%, 41 e 50 anos. Em 2018, foram comercializadas 22.984 peças artesanais e emitidas notas fiscais no valor de R$ 500.714,32. Este ano, já foi contabilizada a venda de 4.974 peças e emitidas notas fiscais no valor de R$ 73.089,79.

Desenvolvido pela Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS), o PGA incentiva a profissionalização e fomenta a atividade artesanal com políticas de formação, qualificação e apoio a comercialização. É responsável pela emissão da Carteira de Artesão, que viabiliza a isenção de ICMS para a circulação de produtos, a emissão de notas fiscais e a exportação de produtos como pessoa física, além da participação de exposições e feiras para comercialização dos produtos.

Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios