DestaqueVale do Sinos

Clínica de Saúde da Mulher de Canoas já realizou 100 partos

Aberta ao público no dia 21 de agosto, a Clínica de Saúde da Mulher de Canoas já chegou à marca de 100 partos realizados. Em duas semanas de funcionamento, o novo espaço recebeu, em média, sete nascimentos por dia. A nova clínica fica no 5º andar do Hospital Universitário (HU), tem 57 leitos e funciona todos os dias da semana, 24 horas por dia. Além de partos, a Clínica de Saúde da Mulher, primeira da história da Canoas, é especializada no atendimento de urgências e emergências ginecológicas e obstétricas.

Futura moradora do bairro Guajuviras, a pequena Heloise veio ao mundo nas últimas horas da quarta-feira (4), pesando 2,520 kg. Ela foi a 100ª criança a nascer na Clínica de Saúde da Mulher de Canoas, e é simbólica pois representa a consolidação da nova unidade. Terceira filha da Patrícia Lacerda, a pequena, que tem apenas 45 centímetros, pode, ao lado da mãe, usufruir de toda a estrutura montada no local, que busca dar mais conforto e tranquilidade, para gestantes e bebês. Aline ficou internada por mais de 10 dias no hospital, antes de dar à luz. Surpreendida com a qualidade do atendimento e com a atenção aos pacientes, a mamãe elogiou a clínica. “O hospital é muito diferente daquilo que eu ouvia falar por aí. Quando internei para fazer tratamento e ganhar minha filha, fiquei muito satisfeita”, disse. Para ela, um dos grandes destaques da Clínica de Saúde da Mulher é o atendimento e o carinho prestado pela equipe profissional. “Todas são muito atenciosas comigo, estou me sentido muito bem tratada aqui”, completou Patrícia.

Publicidade

Cuidado integral de mães e bebês

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), hipertensão e hemorragia estão entre as principais causas da mortalidade materna no Brasil e no mundo, e ocorrem principalmente pela má qualidade da assistência no pré-natal e no parto. Justamente para reduzir esses riscos é que a Clínica da Saúde da Mulher foi criada pela Prefeitura de Canoas, que atende em rede com as Unidades Básicas de Saúde do Município, responsáveis pelo pré-natal das gestantes.

Nas primeiras duas semanas de funcionamento, somente no setor de pronto-atendimento foram recebidos 496 pacientes, que são os casos urgência e emergência ginecológicas e obstétricas, outro tipo de serviço que a Clínica de Saúde da Mulher disponibiliza. Durante o período, também foram realizados 13 procedimentos de curetagem.

Publicidade

Além do alto número de partos ser um dado comemorável da Clínica de Saúde da Mulher, o baixo número de atendimentos na Sala Lilás, que recebe mulheres vítimas de violência, também chama a atenção. Nas duas primeiras semanas de atendimento da Clínica de Saúde, nenhuma mulher deu entrada na unidade após sofrer ato violento.

A Clínica de Saúde da Mulher recebeu mais de R$ 4 milhões de investimentos, para reforma e compra de equipamentos, e tem espaço total de 2.234 m². A unidade presta acolhimento multidisciplinar por profissionais capacitados, realizará exames laboratoriais, testes rápidos para diagnóstico de sífilis, hepatite B, hepatite C e HIV e oferta a profilaxia das IST/HIV.

Etiquetas
Publicidade

Artigos relacionados

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios