Polícia

Homem é preso por comprar smartphone roubado em Pelotas

A Polícia Civil recuperou, na manhã desta segunda-feira (18), um smartphone roubado, em ação do Setor de Investigação da 1ª DP de Pelotas. O homem que comprou o aparelho, de 39 anos, foi preso em flagrante pelo crime de Receptação. A prisão faz parte da Operação Continuada Smart.

A equipe realizou diversas diligências que possibilitaram identificador o receptador, que tinha feito o registro de um chip no CPF da ex-companheira dele. O aparelho roubado, um Samsung J2 Prime, custa em torno de R$ 750,00, mas foi negociado através de uma rede social e comprado pelo homem por R$ 150,00. “A diferença entre o valor do aparelho novo e o pago pelo indiciado caracterizam claramente o crime de receptação”, afirmou a delegada Lisiane Mattarredona.

Publicidade

De acordo com a delegada, o roubo ocorreu em setembro no Bairro Navegantes, em Pelotas. A vítima estava chegando em casa quando um motociclista se aproximou e a abordou, arrancando a bolsa e levando, além do celular, diversos documentos pessoais. “A prisão de hoje é um tipo de ação fundamental para a repressão não só do crime de receptação, mas também dos crimes antecedentes, como furto e roubo”, destacou a Delegada.

Após os procedimentos de praxe, E.P.A. pagou fiança arbitrada pela autoridade policial de plantão e foi liberado. Ele responderá ao processo em liberdade.

Conforme a delegada, a pessoa que compra produtos sem procedência pode estar sujeita a responsabilização penal pelo crime de receptação, com pena de reclusão de um a quatro anos e multa. Na forma qualificada, a reclusão é de três a oito anos e multa.

Publicidade
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar