DestaqueNovo Hamburgo

Novo Hamburgo: vencedores do +Bela Negra +Belo Negro

Nomes dos escolhidos foram anunciados no começo da madrugada de domingo, dia 17, em uma festa na Cruzeirinho que reverenciou a cultura afro-brasileira e a contribuição da etnia na sociedade

Na noite de sábado, dia 16, até o começo da madrugada de domingo, 17, a festa do concurso Mais Bela Negra e Mais Belo Negro marcou o Mês da Consciência Negra com a escolha dos seis representantes de Novo Hamburgo. A edição deste ano contou com apresentação de Lauro Evaniro, um nome conhecido de concursos de rainhas do carnaval e jurado de desfiles gaúchos, que animou e conduziu o cerimonial para uma plateia de aproximadamente 170 espectadores, O evento foi realizado na quadra da Sociedade Esportiva Recreativa e Cultural Cruzeiro do Sul, a Cruzeirinho, localizada no bairro Primavera.

Para animar ainda mais o encontro, a organização do evento pela Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS), da Prefeitura de Novo Hamburgo, convidou o Grupo Abayomi, de São Leopoldo, que realizou um show de dança afro-brasileira dividido em duas coreografias.

O titular da Coordenadoria de Políticas Públicas de Promoção da Igualdade Racial, Ilson Silva, comenta que a edição superou o evento do ano passado, tanto em número de candidatos quanto pela adesão do público. “É importante destacar ainda que contamos com o apoio de empresários e entidades locais, nas premiações, a quem presto os meus agradecimentos”, acrescenta. “O concurso +Bela Negra +Belo Negro visa a dar visibilidade ao papel da etnia na comunidade ao elevar sua autoestima e promover o empoderamento social e o reconhecimento.”

Os candidatos foram avaliados por uma criteriosa banca de sete jurados, que escolheu Giulia Bibiano Chaves e Taylor Henrique Bauermann da Silva (na categoria infantil), Brenda Luísa Peteffi da Silva e João Vitor Pilger (na categoria juvenil) e Raquel dos Santos e Dieverton Ademir Lopes da Silva (na categoria adulta) como vencedores.

O júri foi formado por dois representantes da corte do concurso similar e tradicional de Cachoeira do Sul, Matheus Rosa e Judiéle Vidales; pela coach especializada em empoderamento feminino Vivian Vaz; pela supervisora acadêmica da faculdade de Serviço Social do Polo Cruzeiro do Sul da Universidade de Franca (Unifran). em Porto Alegre, a assistente social Janaína Gonçalves; pela rainha do Carnaval 2012 de Novo Hamburgo, a atriz e modelo Jhozy Azeredo; pelo coreógrafo formado na Escola do Ballet Bolshoi, em Joinville (SC), também graduado em Educação Física, o professor de dança Alexandre Pereira; e pela gestora pública gaúcha e assistente social Gabriela Cruz, pós-graduada em Educação e que atuou na Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), em Brasília.

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo