Caxias do SulNegócios

Microempa é representada na diretoria executiva do Conselho Nacional da Mulher Empresária

Presidente Luiza Colombo Dutra e Coordenadora do Núcleo Setorial da Mulher Empresária, Débora De Boni, atuarão na Diretoria de Eventos e Projetos e Diretoria Jurídica e Compliance, respectivamente

O desempenho das atividades e projetos realizados em prol do associativismo empresarial feminino em Caxias do Sul e no Estado, com apoio da Associação das Empresas de Pequeno Porte da Região Nordeste do Rio Grande do Sul (Microempa) condicionaram o convite à presidente Luiza Colombo Dutra e à coordenadora do Núcleo Setorial da Mulher Empresária, Débora De Boni, para integrarem a diretoria executiva do Conselho Nacional da Mulher Empresária – Gestão 2019/2021, na Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB). O convite foi feito em novembro deste ano pela presidente do Conselho, Tania Rezende. A presidente da Microempa, Luiza Colombo Dutra, vai atuar como Diretora de Eventos e Projetos, enquanto Débora De Boni assumirá o cargo de Diretora Jurídica e Compliance.

Publicidade

O Conselho Nacional da Mulher Empresária (CNME) foi instituído em abril de 2002, com o objetivo de promover o desenvolvimento e o empoderamento de lideranças empresariais femininas mediante o associativismo. O CNME é responsável por conectar todo o movimento nacional de mulheres empresárias no país, fazendo com que conselhos estaduais, municipais e núcleos de mulheres empresárias atuem com sinergia.

Desde sua criação, o conselho já conseguiu a ampliação do número de núcleos de mulheres empresárias, o aumento da participação efetiva das profissionais e o incremento da sensação de pertencer ao movimento associativista.

Segundo Luiza Colombo Dutra, apesar da participação efetiva em eventos do Conselho Nacional da Mulher Empresária durante o ano, o convite foi inesperado. “A representatividade da Microempa será reforçada, pois estaremos em contato com federações em âmbito nacional. Certamente, devemos ampliar nossa visão global de negócios, trocar experiências e potencializar as ações de empreendedorismo feminino em nossa região”, acredita Luiza, que, junto a Débora De Boni, estão engajadas na retomada do Prêmio Empreendedorismo Feminino 2020 em Caxias do Sul, após uma pausa de oito anos.

Posts relacionados

Botão Voltar ao topo