Caxias do SulNegócios

Microempa é representada na diretoria executiva do Conselho Nacional da Mulher Empresária

Presidente Luiza Colombo Dutra e Coordenadora do Núcleo Setorial da Mulher Empresária, Débora De Boni, atuarão na Diretoria de Eventos e Projetos e Diretoria Jurídica e Compliance, respectivamente

O desempenho das atividades e projetos realizados em prol do associativismo empresarial feminino em Caxias do Sul e no Estado, com apoio da Associação das Empresas de Pequeno Porte da Região Nordeste do Rio Grande do Sul (Microempa) condicionaram o convite à presidente Luiza Colombo Dutra e à coordenadora do Núcleo Setorial da Mulher Empresária, Débora De Boni, para integrarem a diretoria executiva do Conselho Nacional da Mulher Empresária – Gestão 2019/2021, na Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB). O convite foi feito em novembro deste ano pela presidente do Conselho, Tania Rezende. A presidente da Microempa, Luiza Colombo Dutra, vai atuar como Diretora de Eventos e Projetos, enquanto Débora De Boni assumirá o cargo de Diretora Jurídica e Compliance.

O Conselho Nacional da Mulher Empresária (CNME) foi instituído em abril de 2002, com o objetivo de promover o desenvolvimento e o empoderamento de lideranças empresariais femininas mediante o associativismo. O CNME é responsável por conectar todo o movimento nacional de mulheres empresárias no país, fazendo com que conselhos estaduais, municipais e núcleos de mulheres empresárias atuem com sinergia.

Publicidade

Desde sua criação, o conselho já conseguiu a ampliação do número de núcleos de mulheres empresárias, o aumento da participação efetiva das profissionais e o incremento da sensação de pertencer ao movimento associativista.

Segundo Luiza Colombo Dutra, apesar da participação efetiva em eventos do Conselho Nacional da Mulher Empresária durante o ano, o convite foi inesperado. “A representatividade da Microempa será reforçada, pois estaremos em contato com federações em âmbito nacional. Certamente, devemos ampliar nossa visão global de negócios, trocar experiências e potencializar as ações de empreendedorismo feminino em nossa região”, acredita Luiza, que, junto a Débora De Boni, estão engajadas na retomada do Prêmio Empreendedorismo Feminino 2020 em Caxias do Sul, após uma pausa de oito anos.

Publicidade
Casa News
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar