DestaqueSão Leopoldo

Dono de agropecuária na Feitoria é autuado por maus tratos a animais

Na quinta-feira, 20 de fevereiro, uma ação integrada entre a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semmam), Proteção Animal (Sempa), e da fiscalização Regional de Medicina Veterinária do Rio Grande do Sul realizou uma fiscalização em uma agropecuária no bairro Feitoria, em São Leopoldo, após denúncia. No local foram encontrados 350 animais em situação de maus-tratos, além de 200 quilos de ração imprópria para o consumo. O estabelecimento não possuía veterinário responsável.

Publicidade
Fotos: DivulgaçãoScom/PMSL

O dono e responsável pelo estabelecimento comercial foi autuado pelos órgãos municipais e federais, e intimado para responder pelos crimes contra o consumidor e maus-tratos a animais. A Polícia Civil não divulga nomes, locais ou qualquer informação direta que possa identificar os seus investigados por conta da Lei nº 13.869, de 5.9.2019, que define os crimes de abuso de autoridade.

Denúncias

Este foi o segundo caso em duas semanas. Na última sexta-feira, dia 14, outra agropecuária, também no bairro Feitoria, foi interditada após denúncia anônima de maus tratos. No local, além da confirmação dos maus tratos a animais, foram identificados medicamentos fora do prazo de validade e rações sem condições de consumo.

A população pode realizar denúncias anônimas através do 156, da Ouvidoria, 153 da Guarda Civil Municipal e do número (51) 985 856 118 da Polícia Civil para todo o Vale dos Sinos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar

Seu navegador está bloqueando os anúncios deste site.

Todo o conteúdo deste portal é 100% gratuito. Os anúncios que exibimos é a forma de manter este veículo de informação independente e comprometido somente com você leitor.