Publicidade
Região MetropolitanaSaúdeVale do Sinos

Canoas abre Centro de Referência em Transtorno do Espectro Autista

Localizada na região central do município, unidade ampliou o acolhimento, cuidado e acompanhamento para crianças, jovens e famílias que convivem com o transtorno

Pela primeira vez na história do Rio Grande do Sul, um município investe na criação de um Centro de Referência no Transtorno do Espectro Autista e Canoas é a cidade que carrega essa conquista. A unidade inaugurada pela Prefeitura na tarde desta quinta-feira (12) oferecerá à população consultas com neurologista, psicóloga, fonoaudióloga, terapeuta ocupacional, assistente social, enfermeira e técnica enfermagem. A equipe acompanha pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e presta apoio às famílias que convivem com este público.

A secretária da Saúde do Estado, Arita Bergmann, a Vice-Prefeita de Canoas, Gisele Uequed, e o secretário municipal da Saúde de Canoas, Fernando Ritter. – Foto: Vinicius Thormann / Prefeitura Municipal de Canoas.

Desde 2019, o município de Canoas é referência na área por ter construído o primeiro Ambulatório de Diagnóstico Precoce e Cuidado da Criança e Adolescente com Transtorno do Espectro Autista no Estado. O serviço conhecido por milhares de famílias, agora, ganhou ampliação e sede própria, na rua Araçá, 74.

Publicidade

O fluxo de atendimento inicia na Unidade Básica de Saúde (UBS) de referência do paciente. Quando o médico avalia a possibilidade da presença do transtorno, encaminha a criança ou adolescente para o Centro de Referência. No local, a família também receberá o apoio de psicólogos, assistentes sociais e enfermeiros.

Para o secretário municipal da Saúde, Fernando Ritter, o objetivo da administração municipal é acolher a população com o TEA e incentivar a maior participação dela no sistema de saúde básica. “Por isso, montamos um comitê gestor com as famílias para decidirmos os processos. Queremos ouvir todos os pacientes e qualificar o atendimento sem que ninguém precise peregrinar os cuidados em diferentes locais do município”.

A secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, conheceu a nova estrutura e cumprimentou Canoas pela iniciativa. “O município faz história na inovação do atendimento de um público que precisa de atenção profissional e carinho. Nossa visita é para presenciarmos uma experiência exitosa, convidar o município para fazer parte do grupo de trabalho que vai discutir o plano estadual para o cuidado das pessoas com transtorno do Espectro Autista e buscar inspiração antes de aplicarmos em outras cidades”, explica.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo