Publicidade
Canoas

Canoas promove ações para alavancar empregos e economia

Medidas são implantadas para retomar o desenvolvimento econômico do município

Está em curso um projeto para gerar empregos e dar impulso ao Desenvolvimento Econômico em Canoas. A desburocratização da secretaria, que agora engloba Turismo e Inovação, tornará os processos mais ágeis para aumentar os negócios e permitir que novos empreendedores entrem na cidade. “Precisamos retomar e trabalhar a relação entre iniciativa privada e governo para produzir riquezas que geram desenvolvimento e inovação para Canoas, e o aumento da empregabilidade”, explica Simone Sabin, secretária de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação. A criação de um ambiente com atendimento humanizado e diferenciado, com ajuste nos processos administrativos do Escritório do Empreendedor, fazem parte dos ajustes para que Canoas cresça.

Já no dia 5 de janeiro, a Prefeitura oficializou a construção da nova filial da rede varejista Havan. A unidade da mega loja será instalada na avenida Farroupilha, ao lado do ParkShopping Canoas, e terá aproximadamente 10 mil metros quadrados de área construída. O empreendimento deverá gerar 400 novos empregos, entre diretos e indiretos. Durante o período de construção, esta soma deverá subir para mais de 600 vagas. O valor do investimento é de R$ 30 milhões. “Iniciamos o governo com pé direito para dar agilidade ao processo de recuperação da economia e retomada do desenvolvimento”, avalia Simone.

Publicidade

A fiscalização do comércio informal é um desafio complexo, que exige o envolvimento de diversas áreas da sociedade, governo, órgãos de segurança, imprensa e a comunidade canoense. “Precisamos do apoio de todos para que o comércio volte a crescer, vamos estimular a criação de uma economia forte para o desenvolvimento de nossa cidade”, afirma a secretária.

Metas a curto prazo

Para os 100 primeiros dias de governo na área do Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação, estão estabelecidas as seguintes metas:

  • Abrir novos empregos e apoiar empresas;
  • Melhorar a qualidade dos produtos e serviços ofertados no município
  • Qualificar a mão de obra canoense;
  • Aproximar a gestão municipal da iniciativa privada, com foco na melhoria da eficiência público-empresarial (Polígonos Empresariais);
  • Valorizar o artesão e fomentar a geração de emprego e renda (Economia Solidária);
  • Reestruturar o escritório do empreendedor;
  • Prestar conta do status do projeto para a sociedade;
  • Licitação de empresa para elaboração de orçamento da infraestrutura para o Parque Industrial Jorge Lanner.

Publicidade
Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo