São Leopoldo

Operação Duas Rodas aborda motociclistas em São Leopoldo

No sábado, 3 de julho, a Guarda Civil Municipal (GCM) de São Leopoldo realizou mais uma blitz da operação Duas Rodas. Os agentes montaram uma barreira na avenida Henrique Bier, bairro Arroio da Manteiga, entre as 15h e 17h30 e abordaram 15 motociclistas. Com auxílio de um decibelímetro (aparelho que verifica a intensidade do ruído) a operação tem como objetivo prestar orientações sobre as consequências de adulterar os escapamentos.

Como resultado da blitz, a GCM contabilizou seis motocicletas dentro do padrão; duas recolhidas ao depósito credenciado pelo Detran/RS por estarem com o licenciamento vencido; uma recolhida por falta de equipamentos obrigatório e condutor não estar habilitado; e seis motocicletas autuadas por apresentarem silenciador defeituoso.

O diretor-geral da GCM, José Carlos Pedrozo, destacou que a operação tem foco na redução da poluição sonora e ambiental. “Nosso objetivo é coibir as algazarras de motos, que também incomodam a população. Além de provocar barulho excessivo, as adulterações dos escapamentos geram a emissão de gases poluentes. Temos recebido muitas denúncias nesse sentido e vamos seguir essa operação realizando abordagens constantes, por tempo indeterminado”, completou.

Fotos: Divulgação /GCM/PMSL

O que diz a lei
De acordo com o artigo 98 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) “nenhum proprietário ou responsável poderá, sem prévia autorização da autoridade competente, fazer ou ordenar que sejam feitas no veículo modificações de suas características de fábrica”.

Conforme o artigo 230, inciso XI, do CTB diz que “conduzir o veículo: XI – com descarga livre ou silenciador de motor de explosão defeituoso, deficiente ou inoperante. A infração é grave, com penalidade de multa (R$ 195,23 + 5 pontos na CNH) e possibilidade de retenção do veículo (guincho) para regularização.

Publicidade

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo