Vale do Sinos

Esteio prorroga auxílio emergencial por mais três meses

A Prefeitura de Esteio prorrogou por mais três meses o auxílio emergencial municipal. A decisão foi anunciada na última terça-feira (20). Pela iniciativa, os beneficiários do programa Renda Certa – Emergencial COVID-19 têm acesso a um valor mensal de R$ 100 disponibilizados em um cartão magnético que deve ser utilizado, exclusivamente, no comércio local para a compra de gêneros alimentícios, materiais de limpeza e higiene, medicamentos e gás de cozinha.

Após inscrição e triagem pela Secretaria Municipal de Cidadania e Direitos Humanos (SMCDH) e pelo Instituto Educacional, Social e Cultural do Estado do Rio Grande do Sul (Iscergs/Cufa-Esteio), entidade executora do programa, 300 pessoas foram selecionadas para receber o Renda Certa, entre 515 solicitações.

A avaliação verificou se os candidatos preenchiam os requisitos de elegibilidade, como não receber outro benefício ou auxílio decorrente de programa de transferência de renda federal e estadual, permanente ou eventual; ter filhos em idade escolar ou com idosos como dependentes; ou receber Bolsa-Família abaixo de R$ 178.

As primeiras parcelas foram pagas em maio e junho, totalizando R$ 51,4 mil depositados, enquanto a terceira, do mês de julho, deve ser liberada até o próximo dia 30. Com a prorrogação, os valores serão repassados, também, nos meses de agosto, setembro e outubro, com estimativa de destinação de mais R$ 93,2 mil.

Entre as exigências para permanecer no programa temporário de transferência de renda está se vincular ao Programa Nacional de Promoção do Acesso ao Mundo do Trabalho (Acessuas Trabalho) e participar de 12 horas de capacitações e atividades voltadas para empreendedorismo, geração de trabalho e renda e preparação para a inserção no mercado de trabalho.

Foram oportunizados cursos como maquiagem, manicure, mechas para cabelos crespos e cacheados, bolos caseiros e decorados, doces juninos, educação financeira, preparação para entrevista de emprego, planejamento de carreira e redes sociais. Dos 300 selecionados contemplados inicialmente, 214 já participaram das formações, enquanto os demais não regularizaram sua situação e receberam apenas uma das parcelas. Assim que eles estiverem em dia, poderão contar com os demais depósitos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo