Caxias do Sul

Caxias do Sul: Samae inicia 3ª etapa da implantação de emissário de esgoto

Obra tem o objetivo de ligar o Sistema Dal Bó ao Sistema Tega e lançar o esgoto fora da bacia de captação

Caxias do Sul /RS – O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) iniciou, em março de 2021, a implantação do emissário de esgoto que possibilitará a desativação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Dal Bó, conduzindo os dejetos para a ETE Tega e, consequentemente, para fora da bacia de captação. O investimento da autarquia para encerrar as atividades da ETE Dal Bó, a qual já é muito antiga e a reforma é inviável, e para implantar as redes do tipo separador absoluto no Jardim Esmeralda é de R$ 3,5 milhões.

A obra que fará a interligação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) Dal Bó ao SES Tega foi dividida em três etapas. A primeira delas, que já foi concluída, teve intervenções na área do Jardim Botânico. A segunda fase contempla a área do SESI, e está sendo finalizada no momento, com as equipes do Samae trabalhando junto à entrada do parque. O último local pelo qual a nova tubulação passará é o Loteamento Jardim Esmeralda, onde 4.600 metros de rede serão implantados.

Marco Antonio Mees, diretor da Divisão de Esgoto, ressalta que a obra “permitirá que o efluente seja tratado de forma mais eficiente, em uma estação de tratamento mais moderna, garantindo também mais qualidade ao esgoto tratado e devolvido ao Arroio Tega”. Além disso, o diretor afirma que, “ao longo do trecho, a rede de coleta de esgoto também será ampliada, contribuindo para alcançar a meta de coleta e tratamento de esgoto estabelecida pelo novo marco legal do saneamento”.

O prazo de conclusão da obra é de, aproximadamente, um ano. A empresa responsável pelo trabalho é a Construtora Pelotense Ltda.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo